em , ,

R na Prática – Parte 14 – Elementos de Programação em Linguagem R

Comandos de Repetição (laço)

Na linguagem R, os comandos de repetição permitem executar um conjunto de linhas várias vezes (Tabela 13). Por exemplo, uma somatória é o exemplo mais simples que pode ser feito pela execução repetida de um comando.

Cabe lembrar que devido à programação orientada a objetos do R, o uso do comando for() é mais limitado, mas ainda de grande importância na codificação de qualquer algoritmo. A linguagem R proporciona três comandos de repetição: for(), while() e repeat().

Tabela 13: Comandos de repetição.

Os comandos de repetição podem ser representados esquematicamente conforme a Figura 12. As diferenças entre eles são apresentadas na descrição detalhada que se faz a seguir.

Figura 12: Fluxo geral de um comando de repetição.

O exemplo a seguir ilustra o uso e a sintaxe do comando for(), onde se faz a somatória de números inteiros entre 1 e 10 que resulta em 55. Como comentado anteriormente, pode-se usar a programação orientada a objetos, definindo um vetor com valores entre 1 e 10 e depois aplicar a função sum().

script_1

O comando de repetição while() permite executar a mesma somatória de números inteiros entre 1 e 10, como mostra o exemplo. À primeira vista, o comando for() parece mais claro, mas muitas vezes há necessidade de se usar o while(), como se pode ver nos scripts envolvendo a programação de um algoritmo mais complexo.

No comando repeat{}, quando se atinge o máximo predeterminado o processo é interrompido por meio do comando “break” que desvia para o comando seguinte ao repeat{}. O diagrama da Figura 13 mostra como ocorre a parada (break) que faz o desvio para o próximo comando após o repeat{}.

Figura 13: Diagrama esquemático do comando de repetição repeat{}, com destaque do comando de parada (break).

O exemplo a seguir demonstra o uso do comando repeat{} que faz a soma de números inteiros de 1 a 10.

Próximo artigo sobre Linguagem R

Este artigo representa o último da série dedicada aos elementos de programação em linguagem R. foi possível mostrar os comandos e funções mais importantes desta linguagem. Assim, os próximos artigos continuarão apresentando algoritmos específicos em álgebra linear e estatística inferencial.

para acessar todos os artigos anteriores, basta acessar nosso blog em nosso site.

Jorge Kazuo Yamamoto

Escrito por Jorge Kazuo Yamamoto

Prof. Dr. Jorge Kazuo Yamamoto, fundador da Geokrigagem, é geólogo, foi pesquisador do IPT e docente do Instituto de Geociências da USP, onde se aposentou como Professor Titular do Departamento de Geologia Sedimentar e Ambiental. Atualmente, atua como Professor Sênior do Departamento de Engenharia de Minas e de Petróleo – Escola Politécnica – USP. É responsável pela disciplina “Métodos geoestatísticos” na Pós-Graduação do IPT – Investigação do subsolo: Geotecnia e Meio Ambiente. Dedica-se ao ensino de geoestatística, com ênfase no desenvolvimento de algoritmos e pesquisa de novas aplicações, tais como: variância de interpolação, cálculo da variância global de depósitos minerais e correção do efeito de suavização da krigagem. Ultimamente, seu interesse está voltado para o ensino e divulgação da linguagem R.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

R na Prática – parte 13 – Elementos De Programação Em Linguagem R

R – Linguagem de Programação