em

Avaliação e classificação de reservas minerais

“Importante contribuição para a literatura geológica brasileira, ainda pouco expressiva em termos de textos didáticos, este livro enfoca aspectos técnicos essenciais da avaliação de reservas minerais. Sob a coordenação do professor Jorge Kazuo Yamamoto, do Instituto de Geociências, os temas são apresentados de modo a que cada capítulo prepare o leitor para o seguinte. Inicialmente são descritos os conceitos básicos em relação à avaliação de recursos e reservas minerais. Segue-se um inventário dos parâmetros geológicos e geométricos para o cálculo de reservas. O terceiro capítulo trata da análise estatística necessária para caracterizar e descreves as distribuições de frequência das variáveis dentro do depósito mineral, ficando para o quarto capítulo a metodologia geoestatística própria a uma análise quantitativa de avaliação de reservas. Os capítulos 5 e 6 apresentam os métodos convencionais ou clássicos, há muito usados na avaliação de jazidas, seguidos pelos métodos computacionais, de aplicação mais recente. Exemplificando, o capítulo 7 trata da modelagem geológica informatizada com o auxílio de um programa comercial. No último capítulo, é abordada a avaliação econômica de jazidas minerais, entendida como um processo interativo de identificação da viabilidade econômica que envolve os investimentos e o processo de tomada de decisão. Avaliação e classificação de reservas minerais é, assim, um livro didático indicado para apoiar o ensino de prospecção de jazidas a estudantes, mas também, pelos conceitos atualizadas que apresenta, auxilia o profissional em suas tarefas relativas à avaliação de bens minerais.” Paulo Milton Barbosa Landim

Jorge Kazuo Yamamoto

Escrito por Jorge Kazuo Yamamoto

Prof. Dr. Jorge Kazuo Yamamoto, fundador da Geokrigagem, é geólogo, foi pesquisador do IPT e docente do Instituto de Geociências da USP, onde se aposentou como Professor Titular do Departamento de Geologia Sedimentar e Ambiental. Atualmente, atua como Professor Sênior do Departamento de Engenharia de Minas e de Petróleo – Escola Politécnica – USP. É responsável pela disciplina “Métodos geoestatísticos” na Pós-Graduação do IPT – Investigação do subsolo: Geotecnia e Meio Ambiente. Dedica-se ao ensino de geoestatística, com ênfase no desenvolvimento de algoritmos e pesquisa de novas aplicações, tais como: variância de interpolação, cálculo da variância global de depósitos minerais e correção do efeito de suavização da krigagem. Ultimamente, seu interesse está voltado para o ensino e divulgação da linguagem R.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

análise geoestatística

Análise Geoestatística